Conheça

O que é o MINA?

O projeto MINA  integra um grupo de pesquisas epidemiológicas sobre condições de saúde e nutrição Materno INfantil no Acre (MINA), Amazônia Ocidental Brasileira.  Trata-se da primeira coorte de nascimentos de base populacional  realizado em Cruzeiro do Sul (Acre), município de área endêmica para malária.  A hipótese central de investigação do estudo baseia-se no fato de que exposições nas esferas socioeconômicas, intergeracionais, nutricionais e de morbidade materno infantis se relacionam ao perfil de saúde observado durante a infância, podendo afetar o crescimento e o desenvolvimento infantil desde os estágios iniciais da vida. 

Objetivo do  MINA

Organizado em seguimentos, o MINA tem por objetivo conhecer os determinantes precoces do crescimento e desenvolvimento infantil a partir do nascimento, por meio do acompanhamento/monitoramento das condições de saúde e nutrição da criança e da mãe. Os resultados obtidos pelo MINA poderão auxiliar a reorientar as políticas públicas voltadas para a saúde materno infantil, a partir da identificação das vulnerabilidades e necessidades dessa população.

Quem participa do MINA?

A coorte de nascimentos MINA abrange o acompanhamento de todas as crianças nascidas no Hospital Estadual da Mulher e da Criança do Juruá, em Cruzeiro do Sul, Acre, no período de 01 de Julho de 2015 a 30 de Junho de 2016. Além de acompanhar as condições de  saúde da criança a partir do nascimento, o MINA avalia também as condições  de saúde e estilo de vida das mães.

O que é um estudo de coorte?

Um estudo de coorte é um tipo de estudo no qual um grupo de pessoas com uma determinada característica é  selecionado e acompanhado ao longo de um determinado tempo. Os estudos de coorte são também conhecidos como estudos longitudinais.

Acompanhamentos do Estudo MINA-Brasil

 

capppp