fbpx

Um aluno, um professor, uma comunidade: terreno fértil para ideias crescerem…

Foi a partir de uma conversa entre o aluno Guilherme (@guido.apollinaire) e seu professor Toninho, que surgiu a ideia de construir uma horta na Escola Estadual Márcia Aparecida da Silva Farias Reis, localizada em São Paulo. Eles contaram com a colaboração dos funcionários da escola e com a doação de materiais, como garrafas pet reunidas por alunos, para trazer à realidade a horta no colégio.

A ideia por trás desse projeto é educar os alunos sobre a agricultura familiar, mostrando que é possível se alimentar bem, sem o uso de agrotóxicos. Os idealizadores Guilherme e Toninho aproveitam para ensinar, por meio da horta, sobre a importância dos movimentos sociais que buscam ampliar a produção agrícola familiar e orgânica. Além disso, eles incentivam os estudantes a fazerem parte da horta, para aprender que é possível se alimentar bem, sem ter que gastar muito dinheiro.

E já que a horta é comunitária, todos trabalham na plantação e todos usufruem da colheita: a produção é aproveitada na merenda escolar, e o excedente pode ser utilizado para compor pequenas cestas de vegetais que são distribuídas na região, ou levadas para casa pelos alunos e funcionários da escola.

Por Talita Cruz (@talilo.cruz) e Alana Kluczkovski (@alanaklucz)

#Sustentarea #históriasdesucesso #hortaescolar #agriculturaurbana #SustentabilidadeemPrática #EducaçãoAmbiental

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Solve : *
13 − 12 =