Desmistificando: Cúrcuma

A cúrcuma (Curcuma longa L.) é originária do sudoeste da Ásia, nas encostas de morros das florestas tropicais da Índia. É uma planta herbácea, que possui um cheiro forte e agradável e um sabor aromático e picante.

No Brasil, a cúrcuma é utilizada principalmente como tempero, mas seu uso é milenar na medicinal tradicional indiana e chinesa, devido às suas propriedades anti-inflamatória, anti-hepatotóxica e hipolipemiante.

A cúrcuma possui um composto chamado curcumina, que é um pigmento natural e muito utilizada na substituição de pigmentos sintéticos. A curcumina é também um potente antioxidante e, por isso,
pode neutralizar radicais livres.

A inserção da cúrcuma na alimentação pode trazer benefícios e atuar como coadjuvante no tratamento de doenças crônicas derivadas de inflamações, como Alzheimer, câncer, doenças cardíacas e condições degenerativas.

• Saiba mais sobre a cúrcuma em nosso post “Que Alimento é Esse?” https://www.facebook.com/sustentarea/posts/1381946251909158

Fique atento às informações da internet, nem sempre são verdadeiras, procure a orientação de um nutricionista!

E aqui vão algumas receitas, para inserir a cúrcuma na alimentação:

Referências:

• BERNARDES, C. F. et al. Cúrcuma: Planta Medicinal, Condimentar E De Outros Usos Potenciais. Ciência Rural, Santa Maria, 2000.
• PAIM, M. P. Avaliação Antibacteriana in vitro de Extratos Etanólicos de Açafrão-da-terra (Curcuma longa L.) Frente a microorganismos transmissíveis por alimentos. Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 2010.
• GRASSO, E. da Costa, et al; Ação Antiinflamatória de Curcuma Longa L. (Zingiberaceae). São Paulo: Revista Eletrônica Thesis, 2017.
.
.
.

Sustentarea #AlimentaçãoSaudável #AlimentaçãoSustententável #Desmistificando #DietasdaModa #SustentareaInforma #Nutrição #Saúde #curcuma #receitasveganas